quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Caminho das Índias

Lá estava eu, ontem, assistindo a novela global (ainda mais viajando e longe do maridón), e vi o casamento do irmão da Juliana Paes (não me pergunte os nomes fictícios porque ainda não decorei)...tudo muito colorido, festivo, danças, etc e tal, resolvi dar uma procurada básica sobre o verdadeiro ritual de matrimônio hindu.

Tradicionalmente, o ritual pode durar até cinco dias, e inclui cerimônias pré e pós casamento.
Existem diversos rituais de boas-vindas entre as famílias e de pedidos de proteção divina, que variam entre as regiões da Índia. Nos dias atuais, como é de se imaginar, raramente são seguidos todos os rituais.

Há, por exemplo, o ritual de pintura das mãos e pés da noiva com henna, junto com canções sobre a nova vida dos noivos. Também antes do casamento, os noivos trocam colares de flores, demonstrando que de fato querem se casar.

A cerimônia de casamento em si começa com a recepção do noivo e sua família pela família da noiva. A mãe da noiva marca a testa do noivo com um pó vermelho, que a religião hindu também associa à boa sorte matrimonial. Noiva e noivo são levados a uma tenda, onde ocorre o casamento. O pai da noiva à entrega ao noivo, dando as maõs dela a ele, demonstrando seu consentimento. As mãos da noiva saõ amarradas às do noivo, e as pontas de suas roupas também saõ amarradas, simbolizando os laços matrimoniais. O casal dá sete voltasem torno de uma fogueira acesa no centro do local da cerimônia, enquanto fazem o juramento de amar e cuidar um do outro. Quando as voltas de completam, eles estão casados.

Seguem-se então brincadeiras, como o "roubo" de um dos sapatos do noivo pela irmã mais nova da noiva, que não o deixará partir com ele sem o pagamento de um "resgate". Após a cerimônia, a noiva se despede de sua família, recebendo bênçãos e presentes, e segue com o noivo para a casa da família dele. Chegando lá, a sogra a recebe com um ritual de boas-vindas, a noiva molha os pés em uma pasta vermelha e chuta um pote de arroz e moedas, símbolos de fertilidade e prosperidade. As duas famílias se reunem novamente para as comemorações pós casamento na casa do noivo.

3 comentários:

Renata Brigatti disse...

Olha só, minha amiga tb é cultura! rs

Má isso tudo deve ser muito lindo, mas agradeço ser brasileira e católica viu! Imagina, desastrada como sou, na quinta volta na fogueira eu já ia estar pegando fogo! Rs

Fora que ninguém merece sair do casamento e ir direto "pra casa da sogra"... ainda se ela não estivesse lá, mas é ela quem vai me receber?!?! Ahhh não! não dá!

Rs.... gatona, brincadeiras a parte, te ligo amanhã para combinarmos algo pro nosso chá, ok?

Bj grande!

Mari Desimone disse...

Maricota, realmente se casar e ir morar em uma casa que não é só sua não rola, né?

Outro dia vi no People and Arts um programa sobre casamentos hindus... Mari, foi a coisa mais linda que eu vi... a montagem do jardim demorou mais de um dia, tinha uma cortina enooooooorme feita só com o miolo das flores... nossa, lindo demaaaaaaaais!

Pri e João disse...

uma cultura linda e muito diferente da nossa! mas eu ainda prefiro a nossa! heheh